• EFCT Cursos

Principais componentes do Sistema de Distribuição de Água Fria em Instalações Prediais

Atualizado: Nov 18


A norma sobre instalações prediais hidráulicas é a ABNT NBR 5626, o objetivo dela é definir

requisitos de projetos, execução e manutenção de instalações prediais de água fria, quando esta norma é aplicada corretamente garante um bom desempenho e funcionamento nas instalações, segurança sanitária e potabilidade da água.

As Instalações prediais hidráulicas de água fria se constituí em um sistema de abastecimento de água privado que recebe a água da rede pública. Essa instalação é um conjunto de aparelhos sanitários, tubulações e acessórios que são instalados a partir do ramal predial.

Existem algumas formas de sistema de distribuição da água para instalações prediais, como os a seguir:

·Sistema direto

Trata-se do sistema mais econômico. Nele a água vem diretamente da rede pública de abastecimento para o sistema predial. Caso o imóvel não possua um reservatório há o risco de falta de água se ocorrer falha no sistema de abastecimento público.

Sistema indireto sem bombeamento

É realizado através da gravidade. É utilizado um reservatório superior que gera uma garantia de abastecimento maior, porém existem locais onde a pressão na rede pública não é capaz de fazer a água chegar até o reservatório.

Sistema indireto com bombeamento

Usam-se dois reservatórios, um inferior e o outro superior, sendo estes interligados por um sistema de recalque que normalmente é utilizado em uma edificação com mais de três pavimentos.

Sistema misto

Uma parte da alimentação é realizada pela rede de distribuição pública de abastecimento e outra parte é realizada pelo reservatório superior da edificação.

Componentes do sistema

Os componentes necessários para uma instalação hidráulica de água fria são:

· Ramal: É a canalização localizada entre a coluna e os sub-ramais, servindo para alimentá-los. Também chamado como Ramal Externo.

· Ramal Predial: É a parte do encanamento entre o distribuidor público de água e o hidrômetro;

O dimensionamento do ramal predial pode ser feito facilmente através da pressão mínima disponível na rede, cota do ponto de alimentação do reservatório inferior, em relação à rede publica, e consumo médio estimado para o prédio.

· Sub-ramais: Tubulação que liga o ramal ao ponto de utilização (peça ou ao aparelho sanitário);

Hidrômetro

É o aparelho responsável por medir o consumo da água do imóvel.



Alimentador predial

É a parte do encanamento que se localiza a partir do hidrômetro até a primeira derivação ou até a torneira de boia localizada dentro do reservatório.

Reservatório

Dispositivo destinado a armazenar água no imóvel, com objetivo de garantir abastecimento por no minimo 1 dia de consumo. Deve ser um recipiente vedado de forma que impeça a entrada de líquidos, poeiras, animais ou qualquer tipo de outro contaminante.

O interior dele deve ser limpo e inspecionado com frequência, o material deve ser resistente á corrosão ou ser provido internamente de revestimento anticorrosivo.


  • Superior: É a distribuição a qual abastece a rede predial;

  • Intermediário: Reservatório feito quando a pressão estática é superior da que é recomendado pela norma de 40 m.c.a, servindo para aliviar a pressão (sistema em desuso após a criação e difusão das válvulas redutoras de pressão);

  • Inferior: Utilizado em edificações altas, onde o sistema de abastecimento público não é capaz de abastecer o reservatório superior diretamente.



Barrilete ou Colar

É a tubulação que interliga duas seções do reservatório superior e alimentam as colunas de distribuição.


Concentrado: Concentra todas as colunas, e os seus registros em uma mesma região.

Ramificado: Tubulação que interliga duas seções saem ramais que dão origem a derivados secundários para as colunas de alimentação.

Coluna ou prumadas

Canalização vertical destinada a alimentar os ramais das instalações prediais.


Estas são apenas algumas características de uma instalação predial de água fria, e seu correto funcionamento se dará apenas através de correta elaboração de projeto executivo, e instalação seguindo estas orientações.


Em nosso canal no youtube temos alguns videos sobre o assunto que irão esclarecer um pouco mais sobre o assunto.


CONHEÇA NOSSO CURSO DE PROJETOS DE INSTALAÇÕES PREDIAIS HIDRÁULICAS


Autora Jéssica J C Fanti

© 2019 by EFCT Cursos e Treinamentos. 

Para notícias e atualizações, assine nossa newsletter hoje

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon